segunda-feira, 25 de novembro de 2019

(Des)Motivacional do dia



A DOR da gente não sai no jornal (e nem no insta!)

Em plena segunda, quando nosso feed fica cheio de mensagens no estilo “foco, força e fé”, convido vocês a uma reflexão sobre a dor que pouca gente quer falar.

ANSIEDADE, DESESPERO e FRUSTRAÇÃO são sentimentos comuns, e muitas vezes frequentes, para quase todos os concurseiros.

Mesmo assim, somos incitados a abafar ou não falar sobre esses sentimentos e “focar” numa rotina de estudos sufocante.

É claro que não dá pra ficar “sentado no trono de um apartamento esperando a morte chegar”. Mas também não vão ser frases aleatórias extraídas de livros de autoajuda que vão nos ajudar a lidar com esses sentimentos negativos.

O meu conselho é que você SE PERMITA SENTIR AS SUAS DORES. Se permita SE ARREPENDER amargamente por não ter estudado o suficiente pra determinado concurso. Se permita SE ROER DE INVEJA do colega que passou num concursão e tá rycoh, enquanto você ainda tá na batalha. Se permita SENTIR A ANGÚSTIA de não ter passado por um triz, ou de não ter passado nem de longe. Se permita SE SENTIR EXAUSTO e com vontade de largar tudo e ir vender sua arte na praia.

Você não é pior do que ninguém por se sentir assim. Você é apenas um ser humano. Não deixem que te digam que seus sentimentos são sinal de fraqueza. E nem seja você a pessoa que vai diminuir os sentimentos de alguém.

Sendo assim, SE PERDOE. Se permita sentir suas dores e se perdoe por senti-las também. Faça uma pausa pra assistir a um filme, sair com amigos, beber e ter ressaca no dia seguinte SEM CULPA. Você merece!

A sua rotina de estudos não é pra ser um tipo de AUTOFLAGELAMENTO. Você está estudando porque você vai precisar de todo esse conhecimento para ser um BOM PROFISSIONAL no futuro.

Não vai ser aqui nesse post que vou te dizer que "vai passar", "sua hora vai chegar", "estuda que passa". Aqui eu vou te dizer que CONHEÇO E ME SOLIDARIZO com sua dor. Toma aqui um abraço!

Manda esse post pra quem você acha que está precisando ler essa mensagem e aproveita pra chorar também suas pitangas com a gente nos comentários. Sou toda ouvidos.


Suzane Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário